RRPA - Ração de Resíduos Alimentícios

Biotecnologia
Setores: Agronegócio/Alimentos e Bebidas/Meio Ambiente
Região Metropolitana
0

Oportunidade/Desafio

A Tecnologia RRPA - Ração de Resíduos Alimentícios, trata-se de um aproveitamento energético e nutricional dos resíduos de produtos alimentícios na nutrição animal e agricultura sustentável, utilizando a matriz da engenharia de produção.
Com o processamento e aproveitamento energéticos e nutricional dos resíduos de produtos alimentícios de origem animal e vegetal como alternativa correta e sustentável reduzem a concorrência alimentar e nutricional humana e animal (milho e soja), concomitantemente à transformação de subprodutos em biogás, calor, energia elétrica, biofertilizantes, reduz e/ou elimina a dependência de recursos naturais nos processos de produção na suinocultura, bovinocultura, avicultura, piscicultura e agricultura sustentável.
Além do alimento para os animais, uma granja que empregue sua Tecnologia este gera energia pela biomassa produzida, e o restante é transformado em fertilizante. Não ocorrendo perda nenhuma durante o processo Tecnológico.


Solução Proposta

A) Redução do Custo na Suinocultura com Milho e soja base alimentar na suinocultura. Gerando uma redução no custo de produção de suínos, com alimentação correspondendo ao percentual entre 55 à 75%. Influenciando ainda na:
1. Ambiência.
2. Sanidade, 3. Mão de obra. (Manejo). 4. Aumentando a Demanda por proteína animal.

B) Cada pessoa produz diariamente um total de 1,08 quilo de resíduos, dos quais 50% resíduos de alimentos de origem animal e vegetal, formado entre outros, por proteínas e micronutrientes. São resíduos que na maioria dos municípios vai parar diretamente em aterros sanitários, como o produzido em Vitória e outros municípios, ou em lixões. De cada quilo de resíduo alimentício jogado fora, são perdidas 300 gramas de proteína e 1.500 quilocalorias. Na fase de terminação da engorda do suíno, entre 111 e 156 dias de vida do animal, ele consome três quilos de alimentos e dez litros de água diariamente.
Com esse aproveitamento de resíduos reduzirá o impacto no meio ambiente.


Grau de maturidade da solução

Protótipo testado


Diferencial Inovativo

Texto publicado com autorização.

A Identificação e a caracterização do potencial proteico dos resíduos dos produtos alimentícios descartados em aterro, passiveis de aproveitamento na alimentação de suínos. (Meio Ambiente). Sendo o processo de análise dos custos de produção de ração para suínos/Aves a partir dos resíduos de produtos alimentícios descartados em aterro. Quantificar por intermédio do LABOEX, O DESEMPENHO DOS ANIMAIS SUBMETIDOS ao Tratamento, de peso (conversão alimentar), palatabilidade, redução do consumo de água, carga ambiental do efluente e potencial de geração de biogás a partir da substituição da ração sólida tradicional pela ração de resíduos alimentícios na alimentação de suínos/Aves. Após proceder análise de viabilidade econômica, ambiental, social (TBL) e legal da produção de ração para suínos/aves a partir dos resíduos de produtos alimentícios (RRPA) descartados em aterro verificou-se a redução no custo final da RAÇÂO produzida entre 30 a 50% e no produto final 50% no produto final.

Grau de inovação da solução:

Incremental, refletindo melhorias em produtos, serviços ou processos já existentes.
1 versão postada
Ultima versão 1.0 postada em 12/07/2017 às 13:11

Cadastre-se para poder interagir com os empreendedores